Dermatite Alérgica a Picada de Pulgas ( D.A.P.P)

Um estudo realizado nos Estados Unidos feito pelo banco de dados de escolas veterinárias norte-americanas a Veterinary Medical Data Program (VMDP), constatou as dez doenças dermatológicas mais comuns em cães nos EUA.  Em ordem decrescente de frequência, foram: dermatite alérgica à picada de pulga (DAPP), tumores, pioderma bacteriano, seborréia, alergias (todas menos DAPP), sarna demodécica, sarna sarcóptica, dermatoses imunomediadas, dermatoses endócrinas e dermatite acral por lambedura.

Já no Brasil, as 10 mais frequentes na mesma ordem são: dermatite piotraumática e malassezíase, alergia alimentar, miíase, sarna sarcóptica, foliculite bacteriana profunda/furunculose, sarna demodécica, foliculite bacteriana superficial, dermatite alérgica à picada de pulga, atopia. Com isso podemos dizer que são poucas doenças de pele responsáveis pela maior parte das consultas dermatológicas.

 

Pulgas são os ectoparasita mais comum,  nos cães e gatos. As mais comuns são a Ctenocephalides felis e a Ctenocephalides canis ambas podem ser encontradas tanto o cão quanto o gato.

pulga2

Caracterizam-se por se alimentarem do sangue do animal que serve de seu hospedeiro picando-o. Muitas vezes passam despercebidas devido ao seu  tamanho muito pequeno. Além disso, possuem uma capacidade de reprodução extraordinária dando origem a mais de 50 ovos diários dos quais nascem larvas, posteriormente convertem em pupas e em poucas semanas tranformam-se em adultas. 70 pulgas podem consumir cerca de 1mL de sangue por dia.

A DAPP é a segunda maior doença cutânea de maior frequência na rotina clínica de pequenos animais, afetando igualmente cães e gatos.

Esta patologia está associada com a saliva da pulga que possui cerca de quinze alergenos sendo proteinas com efeito anticoagulantes para facilitar a sucção do sangue.  Os  pacientes  alérgicos  reagem  contra  essa  proteína estimulando o sistema imunologico, desencadeando uma reação de hipersensibilidade tipo I. Explicando o porque  alguns animais toleram um número moderado de picadas de pulgas por dia, os animais com DAPP não toleram nenhuma. Esta reação alérgica pode estar associada a outros processos alérgicos paralelos.

O que é uma hipersensibilidade ?

A hipersensibilidade do tipo I é também conhecida como  hipersensibilidade imediata e é a base aguda das respostas alérgicas, isto significa que o organismo reage imediatamente quando em contato com uma substacia (antigeno) a qual o organismo tenha alergia. São reacções  mediadas por anticorpos imunoglobulina E (IgE) que se ligam a  receptores específicos presentes na superfície de mastócitos e basófilos (celulas de defesa). Quando os  anticorpos IgE se ligam aos antigénios, os mastócitos e basófilos libertam substâncias (desgranulação) que causam manifestações clínicas. Essas reacções são rápidas e ocorrem dentro de minutos após a reexposição ao antígeno.

Leave a reply