Lista de alimentos permitidos para cães

CONVERSE COM O VETERINÁRIO SOBRE A ALIMENTAÇÃO DO SEU CACHORRO

O primeiro passo para alimentar o seu cão com verduras, frutas ou legumes é conversar com o seu veterinário.
Como os nossos amigos estão muito adaptados a somente consumir rações industrializadas, a mudança para uma alimentação natural deve
ser feita devagar e com muita cautela.
Alguns produtos ainda podem ser considerados perigosos para a saúde do cão e, por isso, a orientação do veterinário é indispensável nesse processo.

VEGETAIS QUE PODEM ENTRAR NA DIETA DO SEU CÃO

Preparamos uma pequena lista com seis vegetais, dentre frutas, verduras, legumes permitidos para cães e alguns carboidratos, que podem ser consumidos por seu cão.
Mesmo encontrando aquele produto que você sempre quis oferecer para o cachorro nessa lista, não se esqueça de consultar o veterinário antes!

BRÓCOLIS

O brócolis é um vegetal bastante nutritivo e interessante para o seu cão. Rico em cálcio, zinco, ferro, vitamina C e vitamina A,
muitos cães adoram o sabor desse alimento.
Para oferecer brócolis para o seu cachorro, lembre-se sempre de cozinhar as porções em água pura antes de colocar no pratinho do animal.

CENOURA

Assim como o brócolis, a cenoura é um alimento extremamente nutritivo e interessante para cães, pois é fonte de vitamina A e potássio.
Ela também deve ser cozida antes de ser oferecida para seu amiguinho (não se esqueça de remover a casca antes de levar para a panela cheia de água).

FOLHAS

Você provavelmente já viu seu cão tentando mastigar alguns pedaços de folha ou grama em algum momento de sua rotina.
Isso significa que esses animais geralmente estão adaptados a consumir esses tipos de alimentos.
Por isso, é possível oferecer alface, espinafre, couve e algumas outras folhas cruas para o cão que aprecia esse sabor. Essas folhas são ricas em vitamina
C e fibras, que podem fazer muito bem para a saúde do seu amiguinho.

TOMATE

O tomate, apesar de ser considerado por muitos um legume, é classificado como uma fruta. Rico em vitamina C, A e do complexo B, muitos veterinários
gostam de oferecer esse alimento aos cães por ele ser boa fonte de licopeno (que é um antioxidante) e potássio.
O tomate deve ser introduzido na alimentação do cão sem a casca e sem as sementes, na forma crua ou cozida.

INHAME

Uma ótima fonte de carboidrato para a alimentação canina é o inhame. Essa raiz é rica em energia, fibras e vitaminas essenciais para a saúde do seu cão.
Lembre-se sempre de cozinhar bem o inhame e amassá-lo antes de oferecer para o bichinho.

FRUTAS

Cães adoram frutas. O sabor doce desses alimentos conquista a grande maioria das raças de cães que vivem no Brasil.

Porém, é preciso ter cautela na hora de oferecer esses alimentos ao seu cachorro, já que algumas, quando consumidas em excesso, podem causar desconforto gástrico no seu amiguinho.
Opte sempre por oferecer frutas mais leves como a banana, a maçã, a pera, o mamão e o melão, que são de mais fácil digestão para a grande maioria das raças de cães.

Os cães, assim como os humanos, apresentam papilas gustativas que permitem que ele diferencie o sabor de vários alimentos e que
opte por provar diferentes tipos de produtos até encontrar aquele que lhe agrada mais.


Por causa desse paladar diversificado, pode ser importante estimular esse hábito alimentar mais equilibrado e alternativo para o seu melhor amigo.

Temos certeza que ele vai adorar se aventurar nesse mundo de novos sabores.

 

Leave a reply