Prebióticos e Probióticos na Digestão de Cães e Gatos

A maioria dos tutores já leu o rótulo de alguma ração e ficou na dúvida sobre o que são prebióticos e probióticos, por isso, vale a pena saber quais os benefícios que estes compostos proporcionam para o animal de estimação. Por isso, o médico-veterinário da Equilíbrio e gerente Técnico Nacional da Total Alimentos, Marcello Machado, explica tudo o que é preciso saber sobre a ação deles no organismo do pet.

Mesmo recebendo alimento de boa qualidade, um sistema digestivo canino fragilizado pode acarretar em má absorção de nutrientes e baixa imunidade do cão, segundo o profissional. “Quando isso ocorre, o terreno fica livre para o aparecimento de doenças oportunistas. Sendo assim, muitos estudos voltados à nutrição animal vêm se desenvolvendo na busca de alimentos que, além de nutrir de maneira balanceada, também ajudam a prevenir doenças”, explica Machado.

O que são? Probióticos são suplementos alimentares feitos à base de microrganismos vivos. Uma vez em contato com o organismo do cão, o probiótico gera benefícios por meio da melhoria da microbiota intestinal, reforçando o desenvolvimento de bactérias “boas”.  Já os prebióticos, de acordo com Machado, são fibras alimentares que, seletivamente, estimulam o crescimento ou a atividade de uma ou mais espécies de bactérias benéficas no intestino, melhorando a saúde intestinal do animal. “Também melhoram o trânsito intestinal e regulam parâmetros como triglicérides e glicemia no sangue”, insere.

Tanto os probióticos quanto os prebióticos são indicados em qualquer fase da vida do cachorro. No caso dos probióticos, eles se tornam especialmente importantes nas situações de estresse, nas quais pode haver queda da imunidade do cão, tornando-o mais suscetível a infecções. Os probióticos são utilizados desde o nascimento até a velhice do animal, em

situações de desmame do cachorro, de mudanças de ração, em período de vacinação, medicações e em mudanças de ambiente.

Os prebióticos são uma importante fonte de nutrição para as bactérias benéficas intestinais. A presença destas fibras também geram substâncias importantes às células intestinais que, quanto mais saudáveis estão, mais nutrientes absorvem. A presença do prebiótico também favorece um ambiente intestinal um pouco mais ácido, mais favorável às bactérias boas ao organismo e menos ao desenvolvimento das bactérias maléficas.

Indicação do veterinário. O profissional destaca que é importante que o cão se alimente com qualidade, suprindo todas as suas necessidades. “A Max Total Alimentos, além de conter um nível excelente de prebióticos, também possui em sua fórmula proteínas de alta qualidade, vitaminas e minerais que proporcionando uma nutrição completa e deixam o pet com a pelagem sedosa e brilhante”, conclui.

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

 

Leave a reply